10.12.11

3 Efeitos colaterais do Whey Protein

Whey Protein - Efeitos colaterais de tomar suplementos de proteínas

Whey Protein traz bastante benefícios para a saúde de fisiculturistas profissionais ou não e também para pessoas “comuns”, digamos assim.  A suplementação com proteína de soro de leite propicia maior rapidez no crescimento dos músculos e maior resistência, além de outas possibilidades menos visadas, como Whey Protein ajuda na recuperação do câncer e hipertensão.

O que é Whey Protein e para que ele serve


Whey Protein é o melhor suplemento para ganhar massa muscular que existe atualmente, mas como “tudo em excesso faz mal”, podem haver efeitos colaterais no corpo de quem toma esse tipo de proteína.

Vamos a eles:


Intolerância à lactose

Um dos mais comuns efeitos colaterais do Whey Protein é Intolerância a lactose, que é mais comum do que se pensa, embora pareça incomum passar mal por tomar leite e derivados. Alguns corpos são inadequados para o perfeito processamento do leite pelo organismo. É natural, afinal teoricamente você não precisa de leite depois de ter dentes para comer carne animal ou humana.

Como tomar Whey Protein se tenho intolerância a lactose?


A solução nesse tipo de caso é tomar Whey Protein isolado e evitar o consumo de leite na dieta, mesmo sabendo de seus benefícios – principalmente da riqueza em proteínas.

Whey Protein isolado tem 1% ou menos de lactose na composição, proporcionando digestão facilitada no organismo e redução daquele inchaço habitual. Esse é o melhor jeito de tomar Whey Protein quando se tem intolerância a lactose evitando os efeitos colaterais desagradáveis.

Função renal

Se você faz muito cardio e não come ou bebe proteína suficiente o corpo vai precisar fazer a conversão de proteína em carboidratos. Isso se chama cetose e pode acontecer quando a quantidade de carboidratos é insuficiente e a quantidade de proteínas é superior.

Normalmente ocorre para gerar energia para o corpo, mas alguns especialistas acreditam e afirmam que esse processo (cetose) prejudica os rins.

Pedra nos rins

Uma dica fundamental para quem quer ganhar massa muscular comendo direito é não comer proteína demais. Pode soar estranho já que pra todo lado se diz que é preciso comer 6 quilos de peito de frango + 10kg de batata-doce por dia pra não perder massa muscular pelo catabolismo.

Teoricamente o mais doloroso efeito colateral do suplemento de Whey Protein é a pedra nos rins.

O problema do excesso de proteína é que pode causar a elevada acidez do sangue, que por sua vez estimula o organismo a fazer a liberação de cálcio para neutralizar a quantidade demasiada de ácido no sangue. Isso causa pedra nos rins.

Maaaaaaas não precisa ficar com medo (pedra nos rins dói de-com força!) e parar imediatamente de fazer as 7 refeições diárias baseadas em alimentos com muita proteína. Problemas nos rins causados por consumo excessivo de proteína só acontecem quando a quantidade é enormemente elevada, e não tomando Whey Protein por anos e anos.

Só não vale comer um pote de Whey Protein por dia. Aí dá overdose...

Osteoporose

Whey Protein pode causar osteoporose. Isso é o que afirmam vários especialistas que explicam que ingerir quantidades monstruosas de proteína de soro do leite (Whey Protein) obriga o corpo humano a retirar cálcio dos ossos e jogar no sangue pra reduzir a acidez. De nada vale ter músculos fortes o suficiente pra levantar 600kg no Leg Press se as pernas quebram pra isso. É preciso dar muita atenção na prevenção desse efeito colateral para poder continuar tomando Whey Protein e fazendo musculação pro resto da vida.

Conclusão

Whey Protein pode ser tomado tranquilamente, desde que do jeito certo. Nenhum dos efeitos colaterais do Whey Protein aparece se a ingestão de proteína do soro do leite ou outro tipo é feita corretamente. O principal fator determinante no risco de doenças por causa de suplementos alimentares é a falta de conhecimento sobre as necessidades nutricionais do corpo.

Você não vai virar um Arnold Shwarzenegger comendo 1kg de Whey Protein todo dia.

Tomar suplementos do jeito certo e – fundamentalmente – na dosagem certa não prejudica a saúde, muito pelo contrário. Usar Whey Protein como suplementação na dieta de um vegetariano ou para ganhar massa muscular é perfeitamente aceitável e recomendável.

Esteja certo de consumir a quantidade ideal de proteínas. Não muito mais, nem muito menos.

Um dieta equilibrada é essencial para garantia de saúde – que é fundamental para viver, malhar, levantar peso e tudo mais. A chave é ter os nutrientes necessários na dose certa.

Calcule a proteína


Parece chato calcular a quantidade de proteína que vai comer. E é muito chato muitas vezes. É muito mais fácil catar um frango recheado com batata-doce e queijo cottage e botar pra dentro sem pensar duas vezes. Na verdade não é, mas mexer com conta não é a praia da maioria dos caras (e moças) que querer crescer e ganhar músculos.

Infelizmente é bom saber o que está comendo e em qual quantidade. Felizmente tem muita coisa que facilita nossa vida, como essa tal de Internet. É muito fácil achar na Internet alimentos ricos em proteína e qual a quantidade de proteína existente em cada.

Na própria embalagem dos alimentos você pode ver tal dado nas “informações nutricionais”. Ontem mesmo fui comer uma carne de hamburguer de frango na janta (tava com pressa por causa do catabolismo) e vi na embalagem a seguinte informação:

Carne de hanburguer de frango – 14g de proteína a cada 80g

"Tudo em excesso faz mal", já dizia o sábio

Moderar a ingestão de proteínas de qualquer tipo (e não só Whey Protein) é importante para evitar problemas de saúde. O excesso de nutrientes (assim como a falta) desequilibra o organismo que dá “seus pulo” pra ajeitar a situação a acaba avacalhando outra coisa. A culpa não é dele, que só tá fazendo seu trabalho e sem querer causando alguns indesejáveis efeitos colaterais pelo excesso de ingestão de determinado nutriente.

Regra de ouro – Quanto de proteína comer?


A regra de ouro da ingestão saudável de proteínas é 1g a 2g de proteína por peso corporal.

Isso significa que se você pesa 80kg tem que comer de 80g a 160g de proteína por dia.

Usar sabiamente a quantidade de proteína que você come através do Whey Protein e de todas as outras fontes é a melhor forma de se alimentar para ganhar massa muscular sem ficar com a barriga inchada, passar mal vomitando, não ter pedra nos rins e osteoporose e etc.

Comer mais proteína do que o que precisa não vai dar mais músculos.

Pelo contrário, qualquer nutriente em quantidade bem maior do que o necessário pode dar muita dor de cabeça em vários sentidos.

Em primeiro lugar fixe essa idéia na sua mente: Whey Protein é pra ser usado como suplemento e não como substitudo de refeições a longo prazo. Pode-se fazer shakes e vitaminas com Whey Protein em casos onde falta tempo ou disposição para preparar uma comida sólida adequada.

No fim do dia tudo que você come em excesso ou escassez vira problema a longo prazo.

Whey Protein – Beba com moderação.


tags: whey protein efeitos colaterais, como tomar whey protein, comprar melhor whey protein sem efeitos colaterias